Manchete nos Jornais desta Terça-feira, 12 de Outubro de 2021

Pesquisas sobre trabalho levam o Nobel de Economia
Estudos de David Card, Joshua Angrist e Guido Imbens tratam de questões como impacto da migração no salário. Usando experimentos naturais, David Card analisou os efeitos do salário mínimo, da imigração e da educação no mercado de trabalho. Angrist e Imbens criaram métodos de estimativa, validação e interpretação que melhoraram as conclusões de estudos. O trabalho dos três contribuiu para responder, de maneira científica, a questões sobre, por exemplo, o impacto da imigração nos salários e no desemprego, ou o efeito da escolaridade na renda futura de um indivíduo.São perguntas difíceis de responder pela falta de uma comparação precisa. Os laureados mostraram que é possível responder a essas e outras questões usando experimentos naturais: situações em que eventos fortuitos ou mudanças de política resultem em grupos de pessoas sendo tratados de forma diferente —de modo semelhante aos ensaios clínicos em medicina.Um dos experimentos de Card, por exemplo, derrubou a ideia corrente nos anos 1990 de que um aumento no salário mínimo seria a causa de uma alta do desemprego. (Folha)

Congresso prevê R$ 3,4 bilhões em emendas ‘cheque em branco’
Modalidade permite envio de verba a base eleitoral sem fiscalização; valor para 2022 é 70% maior que o deste ano.O Congresso decidiu ignorar alertas de órgãos de controle e deve assinar um “cheque em branco” de R$ 3,4 bilhões em emendas parlamentares para Estados e municípios em 2022, ano de eleições, sem fiscalização federal. O valor é o que está previsto para ser destinado por meio das chamadas transferências especiais e representa um aumento de 70% do total entregue neste ano, quando atingiram quase R$ 2 bilhões.O mecanismo, criado em 2019, é mais uma forma nebulosa de parlamentares enviarem recursos públicos para suas bases eleitorais sem critérios mínimos de transparência. Por essa modalidade, as emendas são aprovadas no Orçamento da União sem detalhamento de como o recurso será aplicado. Assim, prefeitos e governadores podem gastar livremente onde bem entenderem, sem fiscalização do Tribunal de Contas da União (TCU), diferentemente do que acontece com outras modalidades de emendas. Deputados e senadores defendem o formato e alegam agilidade nas transferências, que além de “emenda cheque em branco” têm sido chamadas de “PIX orçamentário”. Especialistas e órgãos de controle, no entanto, veem margem para desvios de dinheiro público.No Congresso, a adesão a esse formato de transferência especial tem crescido. Pulou de 145 parlamentares em 2020 para 400 em 2021. Ainda não há um número fechado para 2022, mas a tendência é que seja maior. (ESTADO)

Depressão e ansiedade afetam o corpo de modo grave
Organismo humano não reconhece a separação que os médicos fazem entre as doenças mentais e as físicas.
Não causa surpresa quando uma pessoa fica ansiosa ou deprimida ao ser diagnosticada com doença cardíaca, câncer ou outro problema físico que limite ou ameace sua vida. (Folha)

Veja benefícios a que idosos e aposentados têm direito
Lei garante desde transporte e remédio gratuitos até benefícios especiais do INSS; saiba quem pode receber. no INSS, há cinco benefícios para esse público. Além disso, idosos têm direito a transporte , remédio, atendimento prioritário. (Agora)

Governo prepara bônus para caminhoneiro
Em meio à disparada no preço do diesel, que subiu 37% este ano, o governo vai lançar um programa de incentivos a caminhoneiros autônomos, que são uma das principais bases de apoio ao presidente Bolsonaro. Eles terão um bônus ao entregar caminhões antigos para financiar a compra de um veículo novo. (Globo)

Dólar atinge a maior cotação desde abril
Moeda americana chega a R$ 5,536, com temor de inflação global e seus impactos sobre o crescimento econômico mundial. (Globo)

Compra da indústria para ampliar produção indicam impulso ao setor
Índice elaborado pela FIERGS mostra que fábricas, apesar da escassez e componentes, aumentam encomendas de matérias-primas e de peças em preparação para atender ao novo crescimento de demanda. O ramo de máquinas e equipamentos se destaca entre os segmentos com desempenho em alta. Movimento é embalado pelo aquecimento nos serviços e por novos hábitos das famílias. (ZH)

Corte na ciência leva apreensão ao CT vacinas
Pesquisas da UFMG que trabalham no projeto alertam para a importância do centro nacional de imunizantes. A decisão do Ministério da Economia de cortar o orçamento da ciência de R$ 690 milhões para R$ 89 milhões já preocupa o corpo técnico do futuro Centro Nacional de Vacinas, cujo lançamento foi feito com presença do presidente Jair Bolsonaro em BH e tem custo estimado de R$ 80 milhões, sendo R$ 50 milhões de responsabilidade do governo federal e o restante do estado. O projeto é uma parceria da UFAGMG com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações e o governo de minas. “Esperamos que não tenha impacto, porque esse é um projeto estratégico para o país em um importante gargalo, como o da produção de vacinas que foi gravíssimo como vimos com a COVID-19, afirma Ana Paula Fernandes, uma das coordenadoras do CT Vacinas da UFMG e do centro Nacional de Vacinas. A intenção é que a nova estrutura possibilite ao Brasil a fabricação de imunizantes para várias doenças, tirando o país da dependência internacional no setor. (EM. Minas)

O Estado de S. Paulo

  • No Rio Paraná, duas hidrelétricas correm risco de parar
  • O São Francisco é ‘salvação’ na crise de água e energia
  • Aumento das tarifas é ‘uma tendência’, diz secretário de Aviação
  • Preço de passagens aéreas sobe 56,8% em 12 meses e frustra planos de viagem

O Globo

  • Brasil registra animal infectado com peste suína clássica no Ceará
  • Bolsonaro pede economia, mas Presidência gasta mais luz
  • Dólar sobe para R$ 5,53, maior nível desde abril
  • Mercado aponta defasagem de 15% no preço do diesel
  • Pacote para caminhoneiros: Governo vai dar bônus e financiar compra de veículo para autônomos
  • MSD pede autorização para pílula contra Covid nos EUA
  • Apagão de diagnósticos

Folha de S. Paulo

  • Vela para santos e orixás fica mais cara após Petrobras cortar produção de parafina
  • Embraer recebe encomenda de US$ 1,2 bilhão da Netjets, companhia de Warren Buffett
  • Créditos da Nota Fiscal Paulista passam a vencer em um ano
  • Fusão entre Localiza e Unidas preocupa setor
  • Inflação brasileira deve ter alcançado o pico em setembro, diz JP Morgan
  • Risco Brasil tem alta de 24% no ano e reforça piora no cenário para investir
  • COP15, conferência sobre a biodiversidade do planeta, começa na China
  • Farmacêutica MSD pede autorização para pílula anti-Covid nos EUA
  • OMS indica 3ª dose a idosos vacinados com Coronavac
  • Médico diz que estudo obedeceu a princípios éticos
  • Denúncia sobre proxalutamida é uma das mais graves da AL, diz Unesco
Marisa Pereira