Manchete nos Jornais desta Quinta-feira, 22 de Julho de 2021

Justiça confirma demissão por justa causa por vacina
Em decisão de segunda instância, TRT entende que o interesse particular do empregado não pode prevalecer sobre o coletivo. O entendimento do TRT-SP foi o de que interesse particular não pode prevalecer sobre coletivo. Em fevereiro deste ano, o Ministério Público do Trabalho (MPT) já tinha orientado que os trabalhadores que se recusassem a tomar vacina contra a covid-19 sem apresentar razões médicas documentadas poderiam ser demitidos por justa causa. O entendimento do MPT é que as empresas precisam investir em conscientização e negociar com seus funcionários, mas que a mera recusa individual e injustificada à imunização não poderá colocar em risco a saúde dos demais empregados. Segundo ele, é um precedente muito robusto que traz mais segurança jurídica para as empresas e deve ser utilizado por outras firmas. O advogado alegou que a funcionária não foi encaminhada para o médico do trabalho, um psicólogo, para ver se era consistente ou não a recusa da vacina.

Bolsonaro põe Centrão na Casa Civil e recria pasta do Trabalho (Jogo de xadrez político)
Ciro Nogueira substitui general Ramos, que vai para Secretaria-geral; Onyx Lorenzoni assume o novo Ministério. Eleito com um discurso de enxugamento da máquina pública, Bolsonaro também anunciava uma Esplanada com apenas 15 ministérios. Com a pasta do Trabalho, ele terá 24, nove a mais do que o prometido.

Guedes perde a articulação da política de emprego para 2022
Minirreforma inclui a recriação do Ministério do Trabalho, que será entregue a Onyx Lorenzoni, atual titular da Secretaria-Geral da Presidência.

O Estado de s. Paulo

  • Crescimento das fintechs gera debate sobre regulação
  • Maioria das startups não pode atuar como banco
  • Para se reerguer, Viver cria negócio para terminar as obras que deixou inacabadas
  • Relator ouve queixas sobre reforma do IR
  • Térmicas já geram 1/3 da energia no País
  • Bolsonaro erra na conta e superestima aumento do PIB
  • Governo vai desbloquear orçamento de ministérios
  • Justiça confirma demissão após recusa de vacina
  • Saída para aumento das prestações é tentar renegociar
  • Custo de materiais tem alta recorde e afeta reformas e planos de construtoras
  • China vê piora nas relações com Biden
  • 288 cidades de SP zeram óbitos por covid-19
  • Delta não deve atrasar flexibilização
  • Sotaque inspira o humor de esquete crítico

O Globo

  • Tentativas de fraude em lojas on-line crescem 32,7% no 1° semestre
  • Deputados da base do governo tentam beneficiar policiais
  • ‘Ninguém vai mexer no Simples ou no MEI’, diz Guedes
  • Bolsonaro diz que vai desbloquear verba do governo
  • Faturamento da mineração quase dobra no 1° semestre
  • índice da B3 permitirá monitorar adesão de empresas à agenda ESG
  • Enxugamento de servidores gera economia de R$ 20 bi
  • Risco de nova crise em 2022

Folha de S. Paulo

  • Crescimento das fintechs gera debate sobre regulação
  • VTEX estreia em Nova York com alta de 16,7%
  • Farmacêuticas devem pagar US$ 26 bi por crise de opioides
  • Caminhoneiros tentam nova greve, mas têm resistência
  • Casa própria ainda tem apelo muito forte, mas pode vir mais tarde
  • Desemprego deve continuar alto apesar de retomada da atividade, dizem economistas
  • Brasil perde 29 mil indústrias em seis anos
  • Relator estuda ampliar isenção de IR sobre dividendos
  • Arrecadação federal cresce 22% no primeiro semestre e atinge recorde em 22 anos
  • Novo Ministério do Trabalho reduz superpoderes de Guedes
  • Covid-19 provoca ‘pandemia oculta’ e deixa 130 mil órfãos
  • Grávidas poderão tomar Pfizer após AstraZeneca em SP

Valor Econômico

  • Guedes perde a articulação da política de emprego para 2022
    Minirreforma inclui a recriação do Ministério do Trabalho, que será entregue a Onyx Lorenzoni, atual titular da Secretaria-Geral da Presidência. Equipe de Guedes se preocupa com possível politização. Agora sem intermediários, Centrão assume comando do governo. Normalmente o titular da Casa Civil pertence à cota pessoal do presidente, o que não será o caso agora.
  • Justiça aceita penhora de criptomoedas
    Em São Paulo há pelo menos seis processos em que corretoras foram chamadas a informar se o devedor tem moedas virtuais sob seus cuidados
  • Média salarial na indústria cai entre 2010 e 2019
    IBGE mostra que setor atingiu menor nível de remuneração da série em 2019; número de pessoas ocupadas também recuou, 9,2% entre 2010 e 2019
  • No Brasil, Robin Hood trabalha para os ricos
    Gasto social cresceu desde 88, mas Estado ainda dá mais para ricos
  • Base de comparação deprimida sugere cautela com números
    Comparação com desempenho de junho de 2019 aponta crescimento real mais modesto, de 3,34%
  • Estudos sobre revacinação, ‘combo’ e 3ª dose ganham força
    Pfizer e BioNTech devem divulgar em breve dados sobre estudo acerca de dose de reforço contra a covid
  • Epidemia segue piorando na Ásia e afeta economias
    Economistas começam a rever projeções de crescimento para os países da Ásia, com mais governos anunciando restrições para conter as infecções e mortes
  • EUA esperam pouco impacto da delta na retomada
    Muitos economistas estão mantendo previsões de sólido crescimento econômico devido às expectativas de contínua melhora no mercado de trabalho e nos gastos de consumo
  • 6% dos casos de covid deixam sequelas, diz estudo
    Pessoas afetadas pela “covid longa” se mostraram mais propensas a quadros de depressão, ansiedade e a um impacto em suas finanças
  • Bancos Centrais adotam o arsenal dos criptoativos
    CBDCs não são descentralizadas, privadas ou anônimas – características dos criptoativos
  • Inteligência artificial e democracia
    Estabelecer regras para governar as tecnologias que irão nos governar é tarefa estratégica para o país, não só para o governo
Marisa Pereira