Manchete nos Jornais desta Quarta-feira, 28 de Julho de 2021

Inação federal com crise de energia pode pesar na conta
Ignorar necessidade de reduzir consumo aumenta riscos, alertam especialistas.Para integrantes do setor, a contratação emergencial de termelétricas pode reduzir a pressão por ora, mas não permite a recomposição de reservatórios em 2022 se a seca se repetir. O custo da medida, ademais, será repassado ao consumidor.O Operador Nacional do Sistema Elétrico vê risco de esgotamento ainda em 2021. Para integrantes do setor, a contratação emergencial de termelétricas pode reduzir a pressão por ora, mas não permite a recomposição de reservatórios em 2022 se a seca se repetir. O custo da medida, ademais, será repassado ao consumidor.O governo aposta na ampliação da capacidade de geração atual em 8%, e da malha de transmissão em 10%. A expectativa de aumento do consumo com a esperada retomada econômica e o fenômeno La Niña, que afeta as chuvas no Centro-Sul e no Nordeste e diminui a geração eólica, põem a tática em xeque.O primeiro programa relacionado à demanda está em fase final de elaboração, diz o MME mas ainda não há prazo para começar a funcionar. Para especialistas, a estratégia é arriscada e deve pressionar ainda mais a conta de luz. No texto, o ministério elenca outras medidas adotadas para enfrentar a crise, como a revisão de regras para importação de energia e negociações com empreendedores para antecipar obras. E conclui que “a energia elétrica não será um gargalo para a retomada da economia”. (Folha)

Intervalo de Pfizer mudará após concluída primeira dose
Com a medida, o intervalo entre as doses da Pfizer deve passar de cerca de três meses para 21 dias, como é sugerido na bula do imunizante. O governo também avalia a redução do intervalo entre as doses da AstraZeneca, atualmente em 90 dias, como sugere a bula, mas o ministro já disse que não há “segurança de evidência científica” de que a mudança trará maior eficácia no programa de vacinação.Programa Nacional de Imunizações (PNI) quanto aos intervalos entre as doses e demais recomendações técnicas, sob pena de responsabilidade futura. O sucesso da vacinação depende da atuação sinérgica, harmônica e solidária entre os níveis federal, estadual e municipal, além da colaboração imprescindível da sociedade civil e dos meios de comunicação”, afirma a nota conjunta. No total, o ministério comprou 200 milhões de doses da Pfizer. Até 1º de agosto já terão sido entregues, no total, 30 milhões de doses. Em agosto e setembro devem ser disponibilizadas outros 70 milhões, e de outubro a dezembro, os 100 milhões de doses restantes. (Folha)

Sistema que cria gelo em planta é arma de produtores contra geada
Cobertura de folhagens com lona de TNT e aquecimento com fumaça também está entre as técnicas para evitar estragos.Nas regiões Sul e Sudeste, agricultores planejam para os próximos dias a adoção de técnicas que buscam evitar —ou atenuar— prejuízos da geada em parte das plantações.O sistema de irrigação funciona assim: a água liberada atinge os brotos e, devido ao frio, forma uma espécie de camada de gelo no entorno. Essa camada de proteção impede que a temperatura fique abaixo de 0°C nas plantas, o que seria um risco. As perdas ocorrem quando os termômetros ficam abaixo de -1,5°C, diz a Epagri. Há possibilidade de Rio Grande do Sul e Santa Catarina enfrentarem de seis a sete dias seguidos com mínimas abaixo de 0ºC a partir desta semana. Diante da situação, a Epagri publicou uma lista com dicas para produtores enfrentarem as baixas temperaturas nas lavouras. No caso de hortaliças, a recomendação é o uso de aspersores no dia em que a geada ocorre, até o nascer do sol. Como a água tem temperatura maior em relação ao ambiente em momentos de frio intenso, forma-se uma camada de vapor que protege as plantas do congelamento.No Paraná, um dos estados com maior produção de grãos do país, a maior preocupação é sobre as lavouras de milho que estão próximas da colheita. Como o plantio já ocorreu tardiamente em razão da seca e de atrasos na safra anterior de soja, até 50% da produção pode ser atingida no estado. Em Minas, a geada já registrada neste mês também afetou outras culturas, como cana-de-açúcar, citrus, grãos, pastagem para pecuária, frutas e hortaliças. A Faemg divulgou, em seu site, uma lista com orientações para produtores que amargaram prejuízos. A chegada de uma nova frente fria também preocupa cafeicultores.

Presidente veta quimioterapia oral em plano de saúde
Lei obrigava convênios médicos a oferecer mais 23 remédios de câncer; hoje 59 tratamentos do tipo são cobertos pelas operadoras. Órgão da Presidência da República aponta risco de insegurança jurídica, mas entidades oncológicas destacavam vantagens aos pac. Hoje, existem 59 quimioterapias orais cobertas pelos planos de saúde. O projeto abria espaço para a oferta de pelo menos outros 23 remédios de quimioterapia oral a pacientes de convênios médicos, como mostrou o Estadão na semana passada. Pela proposta, as operadoras deveriam oferecer todos os tratamentos desse tipo que já tivessem aprovação da (Anvisa).

EUA voltam a pedir uso de máscaras
Centro de Controle de Doenças teme que pessoas já imunizadas possam carregar a variante Delta e transmitir aos não vacinados. A medida está sendo tomada em meio ao aumento de casos relacionados à variante Delta do coronavírus no país, especialmente em Estados com baixa cobertura vacinal. Teme-se que vacinados carreguem o vírus e o transmitam a quem ainda não se imunizou. O CDC ainda considera que os não vacinados são responsáveis pela maior parte do aumento de casos.

Governo muda Lei Rouanet e amplia controle sobre projetos
Entre as principais alterações no Programa Nacional de Apoio à Cultura, estão ainda a ênfase às propostas de belas artes e arte sacra.A partir de agora, o governo terá mais poder para tomar decisões a respeito dos projetos contemplados. “Assinamos o decreto que regulamenta o Programa Nacional de Apoio à Cultura. O instrumento objetiva uma gestão eficiente, com controle de prestação de contas – e traz inédita valorização de Belas Artes e Arte Sacra”, afirmou Bolsonaro por meio de uma rede social.

O Estado de S. Paulo

  • Dividendo no Simples deve ficar livre de taxação
  • Senado ressuscita proposta de reforma que une tributos estaduais e municipais
  • Reforço
  • Planos para vendas no Natal têm de começar já
  • ‘São Paulo deverá ter vários carros voadores em 2030’
  • Seis startups chegam para vender carros usados
  • Weg testa rede 5G própria e quer ajudar outras empresas a criar indústria 4.0
  • Cafeicultores se preparam para onda de frio
  • FMI refaz projeção e vê PIB de 5,3% para o País no ano
  • Contas externas voltam a fechar no azul
  • EUA voltam a pedir uso de máscara para vacinados
  • Óleo de palma concilia geração de renda com preservação
  • ‘Plano Safra vai melhorar a vida do pequeno e médio produtor’
  • É dia dele, o agricultor

O Globo

  • Estados vão se reunir com o relator do projeto e querem alterações
  • Reforma do IR aumentaria distorções e tributação desigual
  • Big techs lucram, juntas, US$ 56,7 bi no 2° trimestre
  • Ibovespa segue exterior e cai 1,1%,
  • Proteção contra a Covid ainda garante descontos
  • FMI eleva a 5,3% estimativa de crescimento para o Brasil
  • Avanço gradual
  • Maior start-up de educação do mundo chega ao Brasil
  • Ações anticorrupção avançam nas empresas
  • Pasta de Guedes será reformulada como parte da reforma ministerial
  • TCU vê pagamento ilegal em programa de emprego
  • Imunização em atraso
  • Anvisa suspende autorização para compra da Covaxin
  • Fiocruz: mortes por Covid caem, mas casos aumentam, diz boletim
  • Sistema Lattes está fora do ar há quatro dias seguidos
  • Extremo inverno
  • Receita cobra R$ 17 milhões de Ciro Nogueira

Folha de S. Paulo

  • Guedes faz mudanças em seis secretarias da Economia
  • Mudanças na Economia
  • Investimento direto no Brasil em junho é o menor em cinco anos
  • Economia vê risco de tributária travar e discute flexibilização
  • Escola e plano de saúde podem subir, dizem entidades
  • Auxílio emergencial foi das poucas coisas sensatas de Bolsonaro
  • Manchete: Inação federal com crise de energia pode pesar na conta
  • Desigualdade na vacinação é ameaça para retomada global, diz FMI
  • Sistema que cria gelo em planta é arma de produtores contra geada
  • Mexicana Kavak, de carros usados, vai investir no Brasil R$ 2,5 bi
  • Gestão Biden recomenda que vacinados voltem a usar máscara
  • Justiça inglesa reabre ação contra BHP por desastre de Mariana
  • Capitais fazem força-tarefa por doações e acolhimento
  • Veja quanto a temperatura cairá em algumas cidades do país
  • São Paulo prepara megaestrutura para abrigar moradores de rua do frio
  • CNPq tem apagão e plataforma Lattes sai do ar
  • Inscrições para concorrer a 69 mil vagas pelo Fies vão até sexta-feira
  • ‘Sommelier de vacina’ irá para o fim da fila em SP
  • Laboratórios ampliam testes de vacinas com criança
  • SP tem menor média de internações em 8 meses e estuda flexibilizar regras

Valor Econômico

  • Frio é mais um fator de pressão sobre inflação e pode afetar taxa de agosto
    Efeito da alta dos alimentos in natura deve alcançar seu ponto alto no IPCA-15 do próximo mês, dizem economistas
  • ONS projeta aumento de carga de 4,6% neste ano
    Órgão também prevê alta de 2,9% e de 3,6% no consumo dos próximos dois anos
  • OMS vê risco de predomínio da variante delta no Brasil e região
    “Atualmente não existe uma recomendação para o uso de terceiras doses ou de vacinação anual”, diz Jairo Mendez Rico, da OMS
  • Óbitos e ocupação de leitos caem, mas casos sobem, mostra Fiocruz
    Fundação considera que total de contágios continua “em patamares elevados”
  • Câmbio e retomada animam venda da indústria para a AL
    Exportação de bens de consumo e de capital puxam reação
  • Cadeia da carne bovina girou R$ 747 bi em 2020
    É o que aponta o novo Beef Report; das fazendas às gôndolas, montante aumentou 20,8% ante 2019
  • Geadas afetam café, cana, milho, hortaliças e pastagens paulistas
    Danos aos cafezais ocorreram em 10% a 20% das principais áreas de cultivo, segundo levantamento da Faesp
  • Clima desfavorável amplia a quebra na produção de cana
    Perda de produtividade registrada na primeira metade de julho foi a maior da safra 2021/22, iniciada em abril
  • A ineficiência do financiamento estudantil no Brasil
    A combinação da melhoria da experiência de crédito com o impacto social é um mundo possível
  • STF analisará incidência de IR sobre correção de valor devolvido pelo Fisco
    Questão é importante para as empresas com bilhões de reais a receber da exclusão do ICMS
  • INPI anula patente de remédio à base de canabidiol
    O medicamento chamado Myalo é usado para controlar crises de ansiedade, epilepsia, Doença de Parkinson e esquizofrenia
Marisa Pereira