Dilma Rousseff sancionou o Supersimples para advogados

planaltoSociedades de advogados deverão pagar alíquota única de imposto entre 4,5% a 16,85%

Tributação Atual – No regime atual, as sociedades de advogados têm carga tributária mínima de 11,33% no regime de lucro presumido. A expectativa com a sanção do Supersimples, por outro lado, as bancas com faturamento até R$ 3,6 milhões poderão pagar alíquota única de 4,5% a 16,85%.

Os advogados autônomos, por sua vez, estão sujeitos atualmente ao recolhimento do Imposto de Renda da Pessoa Física, cuja alíquota de pagamento chega a 27,5% sobre os rendimentos auferidos.

Nova Tributação – O Conselho Federal da OAB afirmou, em nota oficial, que a criação do novo patamar de cobrança de impostos aos advogados, promoverá significativo aumento no número de sociedades de advocacia que serão abrangidas e beneficiadas.

O presidente da entidade, Marcus Vinicius Furtado Coêlho, abordou os benefícios oriundos da sanção do Supersimples: “Esse projeto gera milhares de empregos e aumenta o número de contribuintes, por isso foi aprovado por unanimidade no Senado Federal. Todos ganham com a implantação do Simples: o profissional, a sociedade e o governo”.

Ampliação – A OAB aposta na formalização de milhares de advogados, que trabalham atualmente na informalidade, com a criação de mais de 420 mil novos empregos e o consequente aumento expressivo de arrecadação para o governo.

O Conselho Federal da OAB crê, baseada em projeções que realizou, que o número de sociedades de advogados deve saltar das atuais 20 mil para 126 mil em até cinco anos.

Fato Notório

admin